Mad skills: o novo termo para hobbies pode melhorar a sua vida profissional

Saiba como transformar suas escolhas pessoais em vantagens profissionais com as mad skills

18 de março de 2024 - às 16h45 (atualizado em 18/3/2024, às 16h50)

Jogador sorridente olhando para a câmera enquanto joga videogame
Crédito:

Envato

Escrito por

Dayana Bonetto

Redatora Let's Move 360

As mad skills são atividades ou hobbies realizados fora do trabalho e feitos pelo simples prazer pessoal, como música, arte, esportes e cultura. Hábitos que dizem muito sobre quem os pratica e são benéficos em vários sentidos da vida, incluindo a saúde mental. Por serem escolhas naturais, elas não apenas contribuem para o crescimento interno, mas também aprimoram a capacidade de pensar e trabalhar, indo além das técnicas comuns.

A neuropsicóloga Tatyana Azevedo destaca que as mad skills estão mais presentes no dia a dia do que se imagina. Ela indica que basta olhar ao redor e perceber como algumas técnicas podem contribuir de maneira fascinante em todos os sentidos da vida. “Jogar videogame com os amigos, por exemplo, não só é divertido, como também auxilia no desenvolvimento do pensamento estratégico. Na questão de atividade física, o beach tennis incentiva a liderança e aumenta a autoestima. O crossfit vai além do condicionamento, pois ajuda na disciplina e resiliência diante de desafios. Já pelo lado social, o voluntariado não apenas traz benefícios às comunidades carentes, apoio a organizações sem fins lucrativos e trabalho ambiental, mas pode transformar a pessoa em alguém mais empática e conectada com as necessidades alheias. Além disso, o ato de fotografar, uma das manias que se tornou moda nos últimos anos, amplia a criatividade e sensibilidade. Outras atividades, como aprender um novo idioma, praticar jardinagem, cozinhar pratos elaborados, tocar um instrumento musical ou até mesmo participar de um clube de debates, podem desencadear mad skills únicas em cada indivíduo, contribuindo para o seu desenvolvimento pessoal de maneiras surpreendentes. Cada escolha pessoal é como uma pincelada única, contribuindo para a formação de habilidades extraordinárias e enriquecendo a jornada de cada um”, salienta. 

Mad skills: como pode melhorar a vida profissional

Para a neuropsicóloga, as mad skills não dizem respeito apenas a ser bom no que se faz, mas também à capacidade de se adaptar rapidamente a novos desafios, ser resiliente, ter inteligência emocional e aprender continuamente, lidando eficazmente com situações imprevisíveis. “Elas vão além das habilidades técnicas, abrangendo competências interpessoais, capacidade de liderança, criatividade, resolução de problemas e pensamento crítico”, ressalta.

Além disso, Tatyana Azevedo pontua que as mad skills são importantes na obtenção de destaque e crescimento profissional. “A capacidade de adaptação a novos desafios são um diferencial em ambientes corporativos dinâmicos, onde as demandas estão sempre evoluindo. A resiliência e a inteligência emocional não apenas favorecem um ambiente de trabalho saudável, mas também influenciam positivamente as relações interpessoais e a gestão eficaz de equipes”, salienta. Ela destaca ainda que o aprendizado contínuo permite que profissionais estejam sempre atualizados em um mundo onde as tecnologias e as práticas de trabalho estão constantemente evoluindo. “Assim, investir no desenvolvimento dessas habilidades não só eleva a trajetória profissional, mas também proporciona uma abordagem mais enriquecedora e bem-sucedida ao enfrentar os desafios do ambiente de trabalho contemporâneo”, salienta.

Como identificar e desenvolver as mad skills 

Segundo a neuropsicóloga, entender as próprias paixões, pontos fortes e áreas de melhoria é crucial no processo de identificação e desenvolvimento das mad skills. Além disso, ela explica que, para identificá-las, também é preciso avaliar quais habilidades são essenciais na área que atua e descobrir aquelas que podem ser transformadas em habilidades no campo de trabalho. “Aprender constantemente, desafiar-se e integrar a teoria e prática ajuda a construir esse diferencial, permitindo aplicar ativamente o que se aprende, seja na resolução de problemas, na criação de projetos pessoais ou em situações do dia a dia”.

7 dicas para desenvolver as mad skills

Identifique habilidades e dificuldades 

  • Analise suas paixões, pontos fortes, fracos e áreas de melhoria;
  • Identifique as habilidades essenciais em sua área de atuação;

Aprendizado contínuo

  • Explore programas de desenvolvimento profissional;
  • Inscreva-se em cursos online relevantes;
  • Consuma vídeos e participe de workshops para aprimorar habilidades existentes e adquirir novas;

Feedback e reflexão

  • Busque feedback construtivo de colegas, mentores e especialistas;
  • Reflita sobre suas experiências para identificar áreas de melhoria e oportunidades de crescimento;

Networking estratégico

  • Conecte-se com profissionais influentes em sua área;
  • Participe ativamente de eventos relevantes;
  • Troque experiências e insights com outros profissionais;

Mentoria

  • Procure mentores que possam orientar seu desenvolvimento profissional;
  • Compartilhe experiências e aprendizados com mentores para obter insights valiosos;

Envolvimento em projetos desafiadores

  • Busque projetos que testem suas habilidades;
  • Participe ativamente de desafios que permitam o aprimoramento prático;

Persistência e resiliência

  • Entenda que o desenvolvimento de habilidades é um processo contínuo;
  • Mantenha a persistência diante de obstáculos;
  • Cultive resiliência para superar falhas e aprender com cada experiência;

Consulte sempre um profissional sério! Aqui no Let’s Move 360 é possível encontrar um profissional perto de você ou on-line. Utilize a nossa busca!